Opinião | Les Gens Heureux Lisent et Boivent du Café de Agnès Martin – Lugan

Classificação: 3 estrelas | 4 estrelas

Les gens heureux lisent et boivent du café
de Agnès Martin-Lugand 
ISBN: 9782749919980
Edição ou reimpressão: 06-2013
Editor: Pocket
Idioma: Francês
Dimensões: 140 x 225 x 12 mm
Páginas: 252
Classificação Temática: Livros em Francês / Romance
Les gens heureux lisent et boivent du café de Agnès Martin-Lugand 
Diane perde o seu marido e a sua filha num acidente. Isola-se do mundo e cai num abismo de dor, preocupando os que a rodeiam. O seu melhor amigo Félix, assume as rédeas e agarra em Diane para uma intervenção. Graças às brutas palavras de Félix, Diane acorda para a vida. Ela sabe o quanto o seu marido gostaria de viajar até à Irlanda e parte numa aventura em homenagem a Colin e a Clara. 
Parti para esta leitura com grandes expectativas, mas ao ler o livro percebi o quanto a história era previsível. 
A escritora escolheu um tema pouco abordado e escreve de uma forma calma, mostrando com detalhe a dor do luto. Cheguei a sentir o peso da dor de Diane como se fosse minha. A cada virar de página a dor aumenta e acabei mesmo por pensar o pior. 
O fim deste livro foi às três pancadas, não me agradou de todo. Pensei em desfazer-me do livro mas depois vi que tinha continuação…
La Vie Est Facile, Ne T’Inquiete Pas
de Agnès Martin-Lugand
ISBN: 9782266261586
Edição ou reimpressão: 06-2016
Editor: Pocket
Idioma: Francês
Páginas: 253
Classificação Temática: Livros em Francês / Romance
La Vie Est Facile, Ne T’Inquiete Pas de Agnès Martin-Lugand 
Diane está de volta a Paris e quer retomar o que deixou pendente – o seu negócio. Félix está contente por a ter de volta e acha que Diane está pronta para amar de novo. Tudo corre bem até ao dia em que recebe uma chamada que a levará a reviver o passado. 
A segunda parte já está traduzida para português
Foi difícil pegar novamente nesta história, tudo por causa do final do primeiro livro. 
Diane está de volta a Paris e pela primeira vez sente-se preparada para enfrentar a vida. Aborda com leveza o tema de novas oportunidades e como as devemos agarrar. É um livro com uma carga mais positiva, e mostra que é possível pensar positivo por muito que a nossa vida seja negra. 
O medo de voltar a amar e de perder alguém está sempre presente mas para Diane é um desafio que ela terá de enfrentar mais tarde ou mais cedo. 
Não queria deixar a história de Diane, porque na realidade tornei-me numa amiga dela ao folhear o livro. 

Um Comentário

  1. Não costumo ler romances mas até fiquei curiosa com estes dois livros. Obrigada pela partilha!

Deixa um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*