Opinião | Harry Potter e a Criança Amaldiçoada

Classificação 3 estrelas

Harry Potter e a Criança Amaldiçoada de JK. Rowling | Apesar de ter terminado a saga já a algum tempo, reli na mesma para ver se a magia ainda permanecia. Para que fique escrito, esta é a minha releitura do livro. Como aceitei o desafio de #VamoslerHarryPotter , decidi continuar a ler os livros.

Foi o primeiro livro da saga que li, sim leram bem. Li primeiro este e só depois é que li todos os outros. Confesso que foi um erro, mas a pressa era tanta de voltar a reencontrar-me naquele mundo mágico, que não me contive.

O entusiasmo era muito mas com esta releitura, percebi que a magia perdeu-se em Harry Potter e a Criança Amaldiçoada de JK. Rowling. Passo a explicar, voltar a recordar o passado mas agora com novas personagens, podia ter corrido melhor. Fiquei com a sensação que isto não seria o que JK teria pensado para reerguer a chama da Saga. As viagens no tempo, as mudança de atitudes de certas personagens, algumas muito queridas, não me animou.

Sinopse da Editorial Presença

Mas voltando ao livro e deixando o meu desagrado para outra altura, Albus é o filho do meio de Harry Potter e Ginny Weasley.  Ele vai entrar para Hogwarts mas as suas inseguranças e teimosias podem trazer algum caos ao mundo da magia. Apesar das conversas com os seus pais, Albus têm medo que o chapéu seleccionador o ponha em Slytherin e não em Gryffidor.  De facto, Albus é seleccionado para Slytherin  mas o medo deixa de existir quando Albus conhece Scorpious, filho de Draco Malfoy. Eles tornam-se grandes amigos mas quem não apoia muito esta amizade são os pais de ambos, e nós já sabemos o porquê.

É a partir daqui que toda a acção se desenrola. Nesta dupla surge uma outra personagem, que pensei eu que fosse algum filho de Ron e Hermione mas não é o caso. Esta personagem vai mudar o rumo da história que todos nós conhecemos, e mais não digo.

Apesar de ser só um argumento para uma peça de Teatro, a ideia não deixa de ser original, e acredito que funcione com todo um espectáculo, mas é só um argumento transcrito para um livro. Para fãs de Harry Potter, Harry Potter e a Criança Amaldiçoada de JK. Rowling foi uma maneira de relembrar a história que nos encantou durante a nossa infância/adolescência. Como é óbvio, adoro este mundo mágico, mas sei que as coisas não duram para sempre e esta história teve o seu merecido fim. Quem não gostaria de ter Harry, Hermione e Ron de volta? Todos nós, mas vamos lá deixá-los viver em paz, porque já tiveram as suas aventuras.

2 Comentários

  1. Credo, este livro é capaz de ser a desilusão do século, para mim :p Não só pela história mas pelo simples facto de existir :c Se calhar sou demasiado dramático, mas estava tudo tão bem, para quê ir inventar estas coisas?! Grr… coisas que me tiram o sono e não deviam :p

Deixa um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*