Para maus dias, há bons remédios

Na realidade, há dias que a nossa energia desaparece com atitudes, notícias ou até mesmo porque não é um “bom dia”. Podemos sentir que estamos bem, mas o dia ser uma total desgraça. A verdade é que as coisas mais insignificantes podem estragar por completo o nosso mood, e o que acontece na maioria das vezes e  por muito que queiramos solucionar, as coisas não correm como nós esperamos. Aprender a lidar com maus dias é uma aprendizagem contínua e sorrir para a vida ajuda sempre, mas para maus dias, há bons remédios.

Desliga-te do mundo, desliga-te das redes sociais deixa o modo off  ligado

Tornamo-nos tão dependentes da tecnologia que quando algo corre mal, acaba por ir parar ao Facebook ou até mesmo em stories no  Instagram. Não há necessidade de expor os nossos problemas. No calor do momento, podemos dizer as coisas mais descabidas e acabar por magoar alguém. Aprender a lidar com maus dias é uma aprendizagem contínua e sorrir para a vida ajuda sempre, mas para maus dias, há bons remédios.

Podes estar mesmo mal, e não precisas de ver alguém a passar férias numa praia ou a jantar no Olivier. Sejamos honestos, as pessoas só expõem as coisas boas, e se estás mal, não as precisas de ver. Faz um favor a ti mesma, desliga-te, mesmo que seja só por um par de horas.

#TreatYourself

Água quente e Sais Minerais são o melhor remédio para acalmar os nervos. Magnésio ajuda a relaxar os músculos, que tendem a ficar tensos com o stress. Se têm uma banheira, basta colocar uns sais minerais, uma vela a arder e uma soundtrack relaxante. Um spaday  nunca fez mal a ninguém.

Uma máscara, uma esfoliação e um bom hidratante são 3 pequenos passos que nos fazem sentir como novas. Se vivem apressadas e tomam um banho rápido, então este SpaDay servirá para recarregar energias e sentirmo-nos especiais.

Mas se não for a banhos, podemos mimar a nossa pessoa de outra forma. Uma ida ao Starbucks, passear pelos centros comerciais ou experimentar os novos donuts de Lisboa pode ser aquele miminho que bem precisam para animar a alma. Sabe sempre bem mimar e não nos devemos sentir culpadas, porque não mostrar que nos amamos a nós próprias?

Não fiques parada e descarrega essa energia negativa

Depois de um dia de merda, é óbvio que não tens força para treinar. Mas quem é que no seu perfeito juízo vai para o ginásio? Treinar alivia o stress. Imaginem burpees raivosos ou uma aula de body combat.  Uma bela caminhada pelo parque ou uma corrida pode libertar essa má energia. Actividade física produz endorfinas, e como diz a  Elle Woods  “ Exercise gives you endorphins. Endorphins make you happy. Happy people just don’t kill their husbands, they just don’t. “ Para não falar que actividade física proporciona uma noite bem dormida. Aprender a lidar com maus dias é uma aprendizagem contínua e sorrir para a vida ajuda sempre, mas para maus dias, há bons remédios.

Fazer uma caminhada. Sentir a frescura do dia. Respirar bem fundo e pensar na melhor solução. Não há nada melhor que pensarmos com os nossos botões e perceber que na realidade a culpa não é nossa. Foi um dia mau, uma semana, ou até mesmo um mês, mas sempre com o espírito em cima.

Meditar

O ano passado, dei por mim a procurar apps para acalmar a minha mente, encontrei uma que se adaptou às minhas necessidades. Simple Habit – tem pequenas sessões para tudo, organização do nosso dia-a-dia, aprender a relaxar, dormir ou até mesmo quando nos sentimos sem chão. Podemos escolher o tempo das sessões entre os 5 a 15 minutos. A meditação deve ser praticada regularmente, pois ajudará a lidar com o stress do dia.

Expressa a tua frustração

Dou por mim a escrever imensas vezes. São vários os words espalhados pelo meu ambiente de trabalho. Partilho as minhas frustrações e sentimentos. Desabafar com aquela amiga que está sempre lá para nós. Não importa o esforço que fazemos para nos mantermos positivas, às vezes mais vale abraçar esses sentimentos menos bons. Um bom exercício é escrever num papel o que correu mal e qual a solução que poderia ajudar. Prós e Contras. É proibido deixar a frustração dentro de nós, é preciso liberta-la. Só tens de descobrir qual a melhor maneira para ti.

Mas há outras soluções como ler um bom livro. Ocupar a cabeça com outras histórias, há lá melhor remédio que ler. Uma manta nas pernas, uma vela de baunilha e um bom chocolate/café/leite ou chá quente.

Já deram conta que as limpezas gerais em casa são feitas, normalmente, quando estamos saturadas? Um quarto desarrumado leva-nos à loucura. Limpar a casa ajuda a clarear a nossa cabeça. Fazer a cama de lavado, ter um aroma a limpo pode ajudar-nos a ter uma noite bem dormida e bem relaxante. Aprender a lidar com maus dias é uma aprendizagem contínua e sorrir para a vida ajuda sempre, mas para maus dias, há bons remédios.

Outro facto engraçado é, há quem vire pasteleira quando está frustrada. Para quem já viu a série You, sabe que a personagem Love faz bolos quando algo de mau se passa na sua vida. Estranho, certo? Mas resulta. Talvez seja do açúcar ou da canela mas ter algo no forno e ter um aroma homemade ajuda a aliviar a pressão de pensamentos. E digam lá… Um bolo de chocolate é a melhor solução, e uma calda de mousse por cima…

Seria tudo mais fácil se houvesse uma cura exacta para esses dias, algo que nos levante a moral e que nos deixe de sorriso nos lábios. Estas são algumas sugestões que funcionam comigo, caminhar, meditar e ler. Temos de saber ler o nosso corpo e perceber o que funciona connosco nos dias que estamos stressados, desmotivados para percebemos como continuar a sorrir para esses #Baddays. Aprender a lidar com maus dias é uma aprendizagem contínua e sorrir para a vida ajuda sempre, mas para maus dias, há bons remédios.

Deixa um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*