Receita | Bola de Carne

Está na altura de um salgado e nada melhor que um referente à Páscoa – Receita | Bola de Carne. São poucos os que sabem, mas sou mirandelense. Apesar de ter vivido toda a minha vida na cidade de Lisboa as minhas raízes são do Norte e não há nada melhor que a comida transmontana.

Bolo de Cocô, Tarte de Natas e Tiramisu, foram algumas das minhas “criações” que por aqui já passaram desde que decidi partilhar receitas.

A receita de hoje não é a original, é uma réplica que se tornou famosa cá em casa. Nada poderá substituir o folar de carne, mas quando não o podes ter, podes sempre tentar fazer algo parecido – Bola de Carne.

Ingredientes:

  • 4 ovos;
  • 3 Chávenas de Farinha (usei a Trigo 55);
  • 3 C. sobremesa de Fermento (não precisa de ser de padeiro, pode ser o mesmo que usam para os bolos);
  • 1 Chávena de Leite;
  • 1/2 Chávena de Azeite;
  • Chouriço, bacon, presunto e toucinho

As carnes da Bola de Carne são ao vosso gosto, mas lembrem-se, quanto mais simples melhor.

Modo de preparação:

  • Ovos em primeiro, peneirar a farinha e depois o fermento;
  • Quando já tudo estiver misturado, colocar o leite e só no fim o azeite;
  • Quando a massa já estiver homogénea, está na hora de colocar as carnes frias;
  •  Toca a meter no forno a temperatura de 180º durante 35 minutos, ou quando acharem que está pronto;
  • Uso uma forma normal e antiaderente.

Como já perceberam não é um Folar de Enchidos (SaborIntenso têm uma receita semelhante)mas é algo que podemos fazer e saborear em casa. Uma receita simples, mas com um cheirinho a aldeia. Acreditem que esta Bola de Carne será o meu pequeno-almoço na manhã da Páscoa e será acompanhada com uma caneca de café com leite. Não sei se perceberam, mas tenho saudades da minha aldeia, mas principalmente da minha família.

4 Comentários

  1. Huuuum, adoro bola de carne e já não me lembro de comer. Até fiquei com água na boca ahahah
    Obrigada pela partilha!

  2. Que maravilha! Agora fizeste-me lembrar quando vou à terra do meu avô, nunca pode faltar as bolas de lá, tão bom 🙂

Deixa um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*