Posts Recentes

#TimSemPudor, Dicas à la Tim, Romance

Queres ser solteira mas não admites!

Sentes que a relação não dá mais. Que só tu te esforças. Não queres estar mais presa a uma pessoa que não te dá atenção. Só não acabas porque tens medo de ficar sozinha, porque é conveniente ou porque tens medo de magoar a outra pessoa. Se uma destas hipóteses é a correcta, então tu queres ser solteira mas não admites!

Acontece que, estarmos sozinhos ou sermos solteiros pode ser a resposta para tantas questões interiores. Só podemos amar alguém se nos amarmos a nós próprios, e não, não podemos “Amar pelos dois”.

Ler mais
Edições Contraponto, Ler Faz Bem, Opiniões Literárias

Opinião | O homem que sou de Tony Carreira

Classificação 3 estrelas

O homem que sou de Tony Carreira | O cantor de sonhos decidiu contar a sua história e revelar episódios da sua longa carreira, que conta com mais de 30 anos.  Este homem já perdeu a conta de quantas vezes encheu o Pavilhão Atlântico, ele move multidões e mete-as aos gritos, ele vende discos às paletes e este homem é o meu pior pesadelo.

Ler mais
Dicas à la Tim, Pedaços da Tim, Pessoal

Me Time – Aprende a viver contigo mesma

Gosto de pensar que há dois tipos de pessoas –  as que recarregam a sua energia ao conviver com outras pessoas e sentem-se logo motivadas, e as que preferem estar no seu canto e manterem-se no seu silêncio ou na sua paz interior.

Há uma altura da nossa vida que conviver com os outros já não nos traz aquela satisfação ou motivação que tanto queremos. Paramos e recuamos para perceber qual o nosso problema. A nossa paciência é escassa ou nula e é nessas alturas que devemos aprender a lidar com a nossa pessoa e saber como aproveitar o nosso #metime.

A verdade é que ninguém se sente confortável com a solidão, mas há maneiras de tirarmos partido do nosso tempo pessoal. Se és daquelas pessoas que têm medo de passar tempo sozinha ou que têm receio de experimentar coisas novas, este post é para ti.      

Ler mais
Bons Vícios, Dicas à la Tim, Pessoal

#Bonsvícios | Os meus maus hábitos alimentares

Não damos conta das asneiras que fazemos em relação à nossa alimentação.  Ao longo do tempo, tenho reparado num conjunto de asneiras que continuo a praticar. Trabalhar por turnos e com horários de merda, são factores que não ajudam a ter uma alimentação mais regular e controlada. Mas se a vontade e o esforço prevalecerem, conseguimos arranjar tempo e paciência para tal. Aqui me confesso, perante todos vocês, os meus maus hábitos alimentares, agradeço que façam o mesmo e que me contem tudo!!! Ah, mas fica o aviso, as sugestões que aqui vos trago foram dadas pela minha nutricionista, nada melhor que ser seguida por alguém expert da matéria.

Ler mais
Bertrand Editora, Ler Faz Bem, Opiniões Literárias

Opinião | Eu e Tu de Niccoló Ammaniti

3 estrelas

Eu e Tu de Niccoló Ammaniti

Lourenzo é um jovem anti-social que tem gostos peculiares. Desde muito novo que mostra não ser como os outros e os seus pais pensam mesmo que ele tenha algum tipo de problema. Ao ver um grupo de amigos a combinar uma ida à neve, Lourenzo lembra-se de dizer à sua mãe que foi convidado. Toda contente, ela começa a arrumar as coisas dele, pois a alegria de saber que o seu filho tem amigos é tanta que nem se apercebe do esquema que para aí vem.

Ler mais
Companhia das Letras, Ler Faz Bem, Opiniões Literárias

Opinião| Princípio de Karenina de Afonso Cruz

Classificação: 4 estrelas

Princípio de Karenina de Afonso Cruz

Fala-nos de uma história de um pai que escreve uma carta à filha que nunca conheceu.

Ao longo do livro vai relatando a sua história tal como a viveu na partilha de sentimentos e de arrependimentos. A história de um amor proibido que se deixou levar pelo perfume de outra mulher. A vida é feita de escolhas e o arrependimento deste pai é palpável a cada capítulo.

Ler mais
Dicas à la Tim, Trabalho

Trabalho | Motivação, dicas e tentações para quem trabalha a partir de casa

Trabalhar em modo remoto é já uma realidade. No entanto, trabalhar em casa pode trazer alguns obstáculos. O ter alguém constantemente a chamar por nós ou até as obras ali ao lado, podem pôr em causa a nossa concentração ou até mesmo o nosso trabalho. Mas também há aspectos positivos, como escolher a música ambiente, vestir um outfit mais confortável e o número de pausas estão à nossa disposição. Mas para isso, precisamos de ter alguns factores em atenção.

Trabalhar em casa será assim tão bom como dizem, será possível separar o trabalho|casa? Apesar de ter um trabalho a tempo inteiro, gosto sempre de salientar que sou blogger a part-time e aqui ficam algumas das minhas dicas. 

Ler mais
Editorial Presença, Ler Faz Bem, Opiniões Literárias

Opinião | O ódio que semeias de Angie Thomas

Classificação: 3 estrelas

O ódio que semeias de Angie Thomas

Starr é uma jovem de 16 anos que vive em 2 dois mundos distintos, o bairro social onde mora e a escola de classe alta onde estuda. Os pais sempre a apoiaram e sempre lhe quiseram mostrar as diferenças, para que ela pudesse perceber o mundo que a rodeia.  

Habituada às divergências, Starr decide ir com algumas amigas a uma festa no bairro. Ouvem-se tiros e todos fogem do local o mais rápido possível. Starr foge com Khalill, um amigo de infância com quem ela tinha uma forte relação. Durante a viagem de regresso a casa, a polícia aparece e manda-os encostar. Khalill cumpre ordens mas bastou um movimento para que o polícia dispara-se contra ele. Starr vê o seu amigo a ser baleado mortalmente.

Ler mais
Alfaguara, Ler Faz Bem, Opiniões Literárias

Opinião | Jesus Cristo bebia cerveja de Afonso Cruz

Classificação: 4 estrelas

Jesus Cristo bebia cerveja de Afonso Cruz

São várias as personagens que dão voz à história, mas é a de Rosa que ganha destaque no livro “Jesus Cristo bebia cerveja”

Rosa vive com a sua avó Antónia numa pacata aldeia alentejana. Desde o desaparecimento da sua mãe e da morte do seu pai, Rosa sempre soube que teria de tomar as rédeas da casa. Com a avó doente, ela aceita um trabalho como empregada doméstica na casa de um casal rico.

O trabalho não é duro, mas Rosa sofre de assédio e desiste do emprego. Sem estudos e desempregada, ela vê-se cada vez mais numa situação apertada. Um mal nunca vem só e o estado da sua avó piora.

Ler mais