7 séries que podiam voltar que eu não me importava

Dei por mim a pensar nas séries que via e que com o tempo foram canceladas. Escrevi uma lista de 7 séries que podiam voltar que eu não me importava. Estarmos confinados em casa faz-nos sentir nostálgicos. Houve uma altura na minha vida, que todos os dias depois do jantar passava na tv uma série decente, chamemos-lhe a “Golden Era” da Fox Portugal. Agora, somos convidados pelas plataformas digitais (Netflix, HBO e companhia) a ver uma série completa num dia.

Sejamos honestos, evoluímos bastante e a qualidade também. Houve séries que tiveram oportunidade de voltar com episódios especiais ou até aos cinemas, algumas foram esquecidas, mas que lá no fundo gostaríamos de as ter de volta, pelo menos falo das 7 séries que podiam voltar que eu não me importava.

Comecemos por Ugly Betty. Estreou em 2006 e passava aos sábados à tarde na Sic. Confesso que foi das primeiras séries que comecei a seguir e que me deixei levar pela história de Betty Suarez. A patinho feio que foi contratada como assistente pessoal de Daniel Meade.  para que o mesmo não lhe saltasse em cima, mas que se tornou indispensável para a revista. Vemos o crescimento pessoal e laboral da personagem sem deixarmos de parte a dupla Amanda e Marc St. James. Tenho imensas saudades das suas peripécias e não me digam que existe a versão Betty em NY, n’est pas la même chose.

Depois veio Desperate Housewives só lá para a 3ª temporada é que lhe comecei a dar a devida atenção. A vida daquelas mulheres era uma excitação autêntica. Paixão louca, assassinos à solta, gêmeos berrantes. Uma série que mais parecia um upgrade de novela, mas que nos deixava agarradas ao ecrã. Quando se soube do seu cancelamento, muitos foram os que estavam contra, mas já estava na altura. Agora não estava malpensado em voltar, o mesmo conceito, outras personagens e novas histórias. As protagonistas da série nunca mais se soube nada delas.

Mas do que mais sentimos falta é – Every year, twenty something women come to New York in search of the 2 L’s – Labels and Love. Sex and the City estará de volta, quando? Não se sabe ainda, mas a única certeza é que Samantha não fará parte dela. Será a mesma coisa? Logo veremos. Podemos é ver e rever na HBO. E ao que parece a série está cheia de racismos e polémicas, mas não deixa de ser o sonho de qualquer mulher fazer parte deste grupo. Houve uma altura da minha vida que pensei ser a Carrie Bradshaw, mas a verdade é que prefiro um bom par de ténis.

Agora em dose dupla, talvez tenham sido das séries que mais destruiram amizades de  longa data são elas –  Friends e How i met your mother. Comecemos pelos clássicos, quem é que não têm saudades do Central Perk? E a dúvida que nos atormenta, estarão eles ainda juntos ou a dar um tempo? Como será Mônica a aturar os gêmeos a entrar na adolescência? Como está Phoebe? E o Joey? Será que ele encontrou a sua cara-metade? WE GOT TO KNOW!

How I met your mother tem a fama de ser a versão ranhosa de Friends, e pior ficou com aquele final de merda. Sou fã assumida das histórias de Ted Mosby mas aquele final desiludiu-me. A mãe merecia destaque e esteve em cima da mesa a hipótese de haver o How i met your Dad e por um lado ainda bem que não aconteceu. Há quem diga que a série vale a pena devido à awesome personagem de Barney Stinson mas digamos que é uma série Legen wait for it…

Uma série  pela qual me apaixonei perdidamente e quis ser uma Lady, foi Downton Abbey. Não me venham recomendar a  Bridgeton ( já vi e odiei) . Aquela mansão, aquela família e as suas histórias mágicas. Havia drama e amor, tudo com o seu charme. Lady Mary e Matthew, o casal que mais me fez suspirar e chorar, porque matar personagens é feio. E não perdo-o a Miss Sybil!  O seu cancelamento veio provocar revolta mas o filme veio trazer uma nova esperança. Quem se recorda dos especiais de Natal? Oh my lorde, e a Countess of Grantham?  

Esta série só teve direito a 2 temporadas mas conquistou-me em todos os níveis. Pushing Daisies, conta a história de Ned que com um toque volta a dar vida aos mortos, mas com uma condição. Uma série simples mas com uma forte incidência ao amor. Foi uma série que pouco ou nada durou mas que tinha tudo para durar. Uma das 7 séries que podiam voltar que eu não me importava.

Agora deixo aqui um bónus. Uma série portuguesa que podia voltar mas que todos sabemos que tal não irá acontecer é o último a sair. Muitos foram os que acreditaram que aquele reality show era a sério. A série, se assim se pode chamar, ainda está disponível na rtp play e vale ver e rever. Esqueçam os realitys e vejam esta obra de arte. No meio desta palhaçada surgiu uma amizade improvável entre Bruno Nogueira e Roberto Leal.

6 Comentários

  1. Quem me dera que Friends, How I Met Your Mother, Ugly Betty e O Último a Sair voltassem *-*

  2. Adorei Friends. Não me importava NADA que voltasse (:

  3. Comecei a ver Betty em NY mas acabei por desistir
    Adorei Bridgeton! 😐

  4. r: Muito obrigada querida, para ti também ❤

Deixa um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*